Blog



A greve dos caminhoneiros que aconteceu em maio de 2018 pegou a todos de surpresa. Com a impossibilidade de abastecer seus carros e com o transporte público reduzido, muitos colaboradores não puderam comparecer ao trabalho. Muitas empresas viram importantes reuniões entre executivos de diferentes localidades serem canceladas. Todas as complicações acarretaram em prejuízos financeiros e perda de faturamento. Nesse cenário, um grupo se deu muito bem: o das empresas que já contam com soluções de videoconferência como uma importante e indispensável ferramenta de trabalho. A greve dos caminhoneiros que aconteceu em maio de 2018 pegou a todos de surpresa. Com a impossibilidade de abastecer seus carros e com o transporte público reduzido, muitos colaboradores não puderam comparecer ao trabalho. Muitas empresas viram importantes reuniões entre executivos de diferentes localidades serem canceladas. Todas as complicações acarretaram em prejuízos financeiros e perda de faturamento. Nesse cenário, um grupo se deu muito bem: o das empresas que já contam com soluções de videoconferência como uma importante e indispensável ferramenta de trabalho.

Sua empresa está preparada para outra greve dos caminhoneiros?


Se você estava no Brasil em maio de 2018, certamente passou algum sufoco decorrente da greve dos caminhoneiros que paralisou o país e suas estradas – de Norte a Sul. 

 

Como se não bastasse o transtorno causado, muitas empresas tiveram perdas significativas de faturamento. Algumas somaram prejuízos na casa dos milhões de reais. Outras tiveram prejuízos menores, mas igualmente preocupantes tendo em vista o cenário de crise que enfrentamos desde 2016.

 

Diante do acontecimento, uma lição aprendemos: é importante estarmos preparados para todas as adversidades, seja no âmbito pessoal, seja no âmbito profissional. Falando especificamente das empresas, algumas medidas, se tivessem sido tomadas anteriormente, evitariam muita dor de cabeça e perda de negócios importantes.

 

E se acontecer outra greve dos caminhoneiros? Sua empresa está preparada?

É claro que os problemas envolvidos em uma greve da dimensão da que ocorreu em maio são muitos e as soluções nem sempre são possíveis.

 

No entanto, toda empresa poderia ter sido capaz de minimizar seus danos se tivesse preparada, por exemplo, com uma solução de colaboração online. Isso permitiria que seus principais executivos não perdessem reuniões importantes e que os times se mantivessem constantemente alinhados, como se estivessem trabalhando todos na mesma sala, ao mesmo tempo.

 

A impossibilidade de deslocamento foi o principal motivo de cancelamentos de reuniões e faltas ao trabalho. Uma solução de videoconferência teria minimizado a necessidade de muitos colaboradores se deslocarem, permitindo, mais uma vez, que participassem de reuniões e apresentações de onde estivessem (desde que tivessem acesso à internet e um endpoint para viabilizar a comunicação).

 

Essas soluções estão longe de ser ideais e definitivas para esse tipo de problema, mas, como já foi dito, os danos seriam ao menos minimizados.

 

Tanto uma solução de colaboração online quanto uma solução de videoconferência teriam deixado muitas empresas menos suscetíveis aos efeitos colaterais da greve dos caminhoneiros. Do ponto de vista econômico, essas são soluções viáveis e perfeitamente compatíveis com as necessidades e disponibilidades das empresas. Do ponto da competição em seus mercados, essas soluções possibilitam que as empresas se mantenham competitivas e reduzam seus custos operacionais, além de promover uma maior eficiência de processos.



Precisa de ajuda para 
escolher a solução ideal?

Conheça algumas opções




Veja também:

Alguns cuidados na contratação de um serviço de videoconferência
Webinar com todo o portfólio de soluções para Videoconferência




Avalie este item
(0 votos)


Comments
Deixe um comentário
Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.